Quem o demônio mais odeia na Igreja?

E quem nos ajuda a entender um pouco mais sobre esta pergunta é Padre José Fortea, Exorcista espanhol.

“A Igreja conta entre os seus membros com Cardeais, Bispos, Pastores de todos os tipos, teólogos, pessoas que trabalham com a Caridade, Missionários etc…Mas o que o demônio odeia mesmo é o ASCETICISMO. Isso nós podemos dizer com segurança, porque ninguém é tentado tanto quanto aquele que é dedicado à ascese. Caso aquele que realize uma função eclesial ou um ministério, leve nisso os anos que for, se decide começar uma vida mais ascética, comprovará que as tentações se multiplicam por cem. Isso se deve ao fato de que o Maligno sabe muito bem que a ascese é uma força poderosíssima, é a força da Cruz, e a força da Cruz quebra a influência dele no mundo.Alguém poderia dizer que o demônio mais deveria temer é o amor e, portanto, o que mais ele deveria odiar seriam as obras de caridade. Mas ele sabe que àquele que inicia o caminho de ascese, se perseverar, Deus concederá o dom da caridade em grau supremo. Entretanto, aquele que se dedica exclusivamente a realizar as obras de caridade pode nunca chegar a uma vida ascética.

Há pessoas que têm dedicado sua vida inteira às obras de caridade, e, contudo, abrigam muitos defeitos em sua alma. Alguém pode dedicar – se a ajudar os pobres e os enfermos, por exemplo, entretanto fazê – lo com murmurações, críticas, desobediência, etc. Porém, se o asceta perseverar na purificação gradual de sua alma, obterá todos os dons. Por isso o demônio odeia o asceta com maior intensidade que a hierarquia eclesiástica ou mesmo aos exorcistas. O exorcista expulsa um, dois, uma dúzia de demonios… O asceta quebra de um modo muito mais poderoso a influência demoníaca neste mundo, simplesmente por ostentar sobre seu corpo e seu espírito a paixão cotidiana de sua vida crucificada.”

Fonte: http://www.bibliacatolica.com.br/blog/espiritualidade/quem-o-demonio-mais-odeia-dentro-da-igreja/#.VDUQfWddXYg

Publicado em 15 de outubro de 2014, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. Tem toda razão o Pe Fortea de dizer que o diabo prefe assediar os religiosos, quanto mais altos, mais ainda, pois uma caída em pecados públicos de um alto eclesiástico pode levar atrás de si grandes multidões, como foi o caso das recentes pedofilias na Igreja, causadoras de muitos estragos à sua imagem e à fé católica.
    Bem da verdade, foram perseguições seletivas e gratuitas, pois os protestantes, pastores e obreiros casados ou com sexo á vontade por aí são muito mais incidentes nesses casos de pedofilia e as acusações são apenas contra os padres católicos celibatários, percebendo-se nisso um verdadeiro Satã x Jesus Cristo, nada mais.
    Note que esses chantagistas nunca se insurgem também contra os tios, padrastos, até mesmo pais, de quando em tempo aparecem, como profanadores de jovens principalmente; só acusam o padres e a Igreja com todo estardalhaço quanto possível e o mant~em na mídia, sempre recordando tais fatos.
    Outro caso é que muitos desses pedófilos – senão quase todos – são infiltrados na Igreja de maçons, comunistas e protestantes que se ordenam e depois aprontam em seu interior com intensão de a denegrir e causar descrédito à sua doutrina, e as pessoas em geral, nada sabem disso.
    De qualquer maneira o estrago sempre acontece, mesmo que depois se descubra ser um infiltrado, mas o escândalo já sucedeu!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: